VAMOS PARA O OUTRO LADO? Mulheres no altar

Todos os dias somos desafiados a passar para o outro lado. Foi o que aconteceu com os discípulos de Jesus:

“Naquele dia, ao anoitecer, disse ele aos seus discípulos: “Vamos atravessar para o outro lado”.

Deixando a multidão, eles o levaram no barco, assim como estava. Outros barcos também o acompanhavam.

Levantou-se um forte vendaval, e as ondas se lançavam sobre o barco, de forma que este foi se enchendo de água.

Jesus estava na popa, dormindo com a cabeça sobre um travesseiro. Os discípulos o acordaram e clamaram: “Mestre, não te importas que morramos? “

Ele se levantou, repreendeu o vento e disse ao mar: “Aquiete-se! Acalme-se! ” O vento se aquietou, e fez-se completa bonança.

Então perguntou aos seus discípulos: “Por que vocês estão com tanto medo? Ainda não têm fé? “

Eles estavam apavorados e perguntavam uns aos outros: “Quem é este que até o vento e o mar lhe obedecem? “Marcos 4:35-41 NVI

Jesus estava ensinando a beira-mar e reuniu ao seu redor grande multidão, naquele dia ao anoitecer disse aos seus discípulos:VAMOS ATRAVESSAR PARA O OUTRO LADO.

Deixando a multidão pegaram o barco para atravessar o Lago da Galiléia.Os discípulos talvez estivessem entusiasmados para ver o que aconteceria do outro lado.

Jesus muitas vezes nos chama para um novo início a um novo destino. Ele não nos diz o que vai acontecer no meio do caminho. Ao nos dirigirmos para outro lado é necessário deixar a zona de conforto desse lado e partir.

Mas no meio do percurso pode se levantar um grande vendaval, a tempestade que os discípulos encontraram era da proporção de um furacão.

O meio geralmente é um lugar de teste.

O Mar da Galileia era conhecido por suas tempestades, ferozes e repentinas, os judeus eram um povo terrestre, geralmente desconfortável no mar, especialmente por acreditarem que o mar estaria repleto de criaturas aterradoras.

A tempestade estava na força total, e Jesus estava dormindo.

Parece familiar a você? Talvez você tenha sido atingida por problemas, perdas, que te pegam de surpresa. Talvez você esteja neste momento sentindo que está afundando rapidamente. Você orou e não ouviu nada da parte de Deus.

Os discípulos ficaram apavorados, foram e acordaram Jesus. Questionando: Não importa que morramos?

Talvez você esteja como os discípulos procurando uma resposta no meio da fúria do mar e não sabe mais o que fazer a respeito.

Jesus se levantou acalmou a tempestade: “se fez completabonança.

Mas quero chamar a atenção de vocês numa observação importante de Jesus em relação aos seus discípulos:

Disse: Homens de pouca fé porque estão com tanto medo?

Jesus foi ao ponto: a FÉ. Tudo é uma questão de fé.

Não importa quão forte seja o vento, o quão forte sejam as circunstâncias, a crise, o que realmente importa é a nossa resposta de fé.

O meio é um lugar de teste. Mas o teste não é a circunstância pelo qual você está passando, mas sim se você vai aprender a confiar em Jesus no meio dela.

A Bíblia ensina que fé é ter certeza, uma convicção.

As circunstâncias não nos dão respostas definitivas, a fé nos dá a certeza.

Não podemos levar o barco sozinho em meio as tempestades da vida, é preciso que Jesus esteja conosco. Convide Jesus para entrar no barco com você. Todos os dias somos desafiados a passar para outro lado, para outro nível de confiança, de dependência em Deus.

Os discípulos disseram: “que é este que até o vento e o mar obedecem?”

Jesus, Ele tem poder sobre a natureza, sobre todas as coisas. Mesmo diante do silêncio Ele está trabalhando.

No tempo certo Ele vai repreender o vento e você vai sentir grande bonança.

Então você vai viver uma vida de medo ou vai confiar Nele e em suas promessas?

Pai obrigado pela sua palavra. Não importa o tão grande seja a tempestade, confiaremos em Ti. O Seu poder é maior que todas as circunstâncias. Coloco a vida de todos que foram atingidos por meio de um temporal de perdas, dor, escassez, conhecemos o Teu poder que é maior, nada é impossível ao que crê. Ajuda-nos a lembrar que não devemos temer porque o Senhor conosco está. Oro no nome de Jesus.