O segredo da oração

João 14.11-15 (NVI): “11 Creiam em mim quando digo que estou no Pai e que o Pai está em mim; ou pelo menos creiam por causa das mesmas obras. 12 Digo-lhes a verdade: Aquele que crê em mim fará também as obras que tenho realizado. Fará coisas ainda maiores do que estas, porque eu estou indo para o Pai. 13 E eu farei o que vocês pedirem em meu nome, para que o Pai seja glorificado no Filho. 14 O que vocês pedirem em meu nome, eu farei. 15 “Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos.”

 

No texto bíblico de João dos capítulos 13 a 16, Jesus faz seu último discurso antes de ser traído, preso, condenado, chicoteado, crucificado e morto. No entanto, nem mesmo depois da sua ressurreição, Cristo voltou a andar com discípulos como antes. Ele apareceu algumas vezes para eles durante o período de quarenta dias e depois subiu aos céus.

 

Jesus não estaria mais com eles, e agora para que eles tivessem comunhão com Deus precisariam orar. E então era essencial que tivessem fé ao orar de tal forma, que na verdade tivessem uma convicção plena que seriam ouvidos.

Então nesse capítulo 14 de João, Jesus demonstra que é o único caminho para Deus, e que ao orarem no nome Dele teriam todos seus pedidos atendidos. Não só isso, mas quando Ele, Jesus, fosse embora, Ele mesmo enviaria o Espírito Santo para ajudá-los a orar.

 

Em João 14.12, Jesus deixa a certeza de que eles fariam as mesmas obras que Jesus, e que ainda a fariam maiores do que Ele. Mas quais são as condições necessárias para isso?

 

Convido você a assistir essa mensagem na íntegra no link, e participar conosco hoje, às 20 horas no canal do Mensagem Diária no YouTube, do TALK, um momento que refletirmos, com perguntas e repostas sobre “O segredo da oração”.

 

Oração: Pai que eu tenha plena convivção que sempre sou ouvido em minhas orações orando em nome de Jesus, tanto como “em” e “com” Jesus. Amém.

 

Texto: Thiago Vicente*

 

Thiago Vicente (Instagram: @thigvi) é o idealizador e fundador do MENSAGEM DIÁRIA, pastor, reverendo, teólogo, professor de educação física, personal trainer, especialista em fisiologia do exercício, mestre com aprovação com louvor na área de Bíblia, plantador de igrejas, casado há 12 anos e tem duas filhas.