O Nosso Guia

“Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito. Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize” (João 14.26 – 28).

O Espírito Santo está presente para nos auxiliar, mas não para dominar nossa mente e vontades,

NÓS SOMOS LIVRES PARA ESCOLHER.

O Espirito Santo não pode nos amarrar, evitando que nos pecamos. Ele apenas guia nossos passos. Além de nos: orientar, animar e fortalecer.

 MAS QUEM VAI DECIDIR SOMOS NÓS.

Nós temos que decidir obedecer as suas instruções e ouvir a sua voz. Ele é o nosso Conselheiro.

O Espírito Santo gera em nós o caráter de Jesus Cristo. Por isso Jesus rogou ao Pai que nos enviasse o Espírito Santo.

“Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais paz. No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo” (João 16.33).

Jesus veio ao mundo para restaurar a nossa comunhão com o Pai, para nos trazer a PAZ. Preste atenção Jesus está nos alertando que no mundo iremos passar por problemas, por circunstâncias, mas o verbo passar é algo transitório, temporário e Jesus afirma que:

“por que todo o que é nascido de Deus vence o mundo, e esta é a vitória que vence o mundo a nossa Fé” (I João 5.4).

Ore: “Jesus agradeço, pois teu espírito me capacita viver sua vontade e seu querer em minha vida, assim vivo em paz, sabendo que em qualquer circunstância tenho vitória no nome de Jesus”.

Texto: Mônica Vicente