O Estender Do Dedo, O Que É?

O estender do dedo é falar mal dos outros, criticar os defeitos das pessoas, julgar o próximo, se achar melhor que os outros.

Jesus disse:

“Não julgueis, para que não sejais julgados.Pois, com o critério com que julgardes, sereis julgados; e, com a medida com que tiverdes medido, vos medirão também. Por que vês tu o argueiro no olho de teu irmão, porém não reparas na trave que está no teu próprio?” (Mateus 7:1-3 – RA*)

Não se deve julgar, nem apontar os defeitos dos outros, pois isso impede Deus de agir em nosso favor. A sociedade em geral está habituada a falar mal das autoridades, mal dos pais, das autoridades da igreja, patrões, governantes, etc..não se dão conta que isso abre as portas ao pecado.

Mas Deus nos ensina o caminho que devemos seguir:

 “Então clamarás, e o Senhor te responderá; gritarás, e ele dirá: Eis-me aqui. Se tirares do meio de ti o jugo, o estender do dedo, e o falar vaidades”.   (Isaías 58: 9 – RA*)

Preste atenção, são três coisas que devemos tirar da nossa vida. A manipulação ao colocar um julgo sobre as pessoas querendo dominar, coagir. Criticar os defeitos, as fraquezas, julgar. Se exaltar.

Se você tem atitudes como estas se arrependa deste caminho tortuoso, peça perdão a Deus, pois a força vem dele para vencermos todas estas práticas.

“Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-o também vós a eles; porque esta é a lei e os profetas” (Mateus 7: 12 – RA*)

Texto: Mônica Vicente

*Tradução: Almeida Revista e Atualizada