Liberdade

“ Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres”. (João 8:36).

As circunstâncias em nossa vida muitas vezes tenta nos laçar em erros, falhas e pecados. Tentar nos dizer que não somos merecedores de nada, nada podemos. Então vivemos paralisados, presa na ânsia de nada ser.

Mas devemos recordar, o sacrifício de Jesus, que não foi uma só vez, e sim para cada segundo de falha, para cada instante de erro, para todos os dias de nossa vida.

Sabendo que nada e ninguém pode nos prender e condenar. Pois se Cristo nos libertou, verdadeiramente somos livres.

Verdadeiramente foi escrito no sangue cordeiro o retorno do laço e do pecado, pelo seu perdão. Por isso se Jesus nos fez livre, nada pode nos prender, pois sempre temos a oportunidade arrependermo-nos voltarmos a liberdade pelo seu Sangue.

Ore: “Jesus, Pai te agradeço, porque me libertou de todo pecado e condenação, e mais nada me prende e me paralisa, mas verdadeiramente hoje sou livre, pois estou ti, justificado pelo seu sangue. Em nome de Jesus. Amém.”

Texto: Lucas Vicente