DIA 58 – Ânimo que cura

Mateus 9.22b (NVI): “[…] Ânimo, filha, a sua fé a curou! […]”[1]

 

Chegamos ao episódio da cura de uma mulher que sofria de hemorragia à 12 anos (Mateus 9.18-22; Lucas 8.43).

 

Nesse episódio, Jesus estava indo para a casa de Jairo para orar pela sua única filha que havia acabado de morrer. E no caminho encontrou dificuldade com as multidões que impediam a sua passagem (Lucas 8.42).

E no meio dessa multidão, essa mulher que sofria com hemorragia, pensava consigo mesma que se apenas tocasse em Jesus seria curada. O texto não nos diz que outras pessoas tocavam em Jesus eram curadas, mas conta que apenas essa mulher foi curada no meio da multidão.

 

E Jesus percebendo que havia sido tocado, vai dizer para ela ter bom ânimo, porque a fé dela havia curado ela mesma. A palavra para “ânimo” usada no texto da NVI, vem do grego “tarseo” e significa: corajoso, confiante, ousado e arrojado.

 

A fé sempre vai envolver o risco, e para isso temos que enfrentar o medo, e sermos confiantes. Jesus não disse: “Eu te curei”, mas “A tua fé te curou”. Porque Jesus quer sempre salvar e curar a todos, mas a forma principal de recebermos a cura ou salvação é pela fé no que Jesus pode fazer agora, baseado no que Ele já fez na cruz, e no seu infinito poder e amor para realizar agora.

 

Oração: Pai em nome de Jesus eu creiom tendo: coragem, confiança, ousadia e ânimo, para receber de graça a sua cura em minha vida. Amém!

 

Texto e vídeo: Thiago Vicente*

 

*Thiago Vicente (Instagram: @thigvi) é o idealizador e fundador do MENSAGEM DIÁRIA, Pastor, Reverendo, Teólogo, Professor de Educação Física, Personal Trainer, Especialista em Fisiologia do Exercício, Mestre com “aprovação com louvor” na área de Bíblia, plantador de igrejas, casado há 12 anos e tem duas filhas.

 

[1] Nova Versão Internacional. (2001). (Mt 9.22). São Paulo: Sociedade Bíblica Internacional.