Dia 57: O jejum de Jesus

Mateus 9.15-17 (NVI): “[…] Como podem os convidados do noivo ficar de luto enquanto o noivo está com eles? Virão dias quando o noivo lhes será tirado; então jejuarão. 16 “Ninguém põe remendo de pano novo em roupa velha, pois o remendo forçará a roupa, tornando pior o rasgo. 17 Nem se põe vinho novo em vasilha de couro velha; se o fizer, a vasilha rebentará, o vinho se derramará e a vasilha se estragará. Ao contrário, põe-se vinho novo em vasilha de couro nova; e ambos se conservam”. 

 

Continuamos com todas as palavras de Jesus na Bíblia, no capítulo 9 de Mateus. Aqui, os discípulos de João, vem até Jesus para perguntar sobre o jejum.

 

Sabemos que os fariseus jejuavam duas vezes por semana, e que os discípulos de João também praticavam jejum regularmente, como todo e qualquer judeu também (Mateus 6.16; Lucas 8.12).

 

Mas aqui Jesus nos revela um novo significado para jejum. De certa forma, o jejum da Antiga Aliança era praticado como algo para receber o favor divino, a benção de Deus.

 

Jesus revela o novo significado do jejum, um amor e um desespero de estar na presença de Jesus. Quando o noivo for tirado, ou seja Jesus que é o noivo, então farão jejum.

 

O jejum não muda a Deus, mas nos muda, e o motivo tem que ser querer mais de Deus. E na nova aliança, que precisa de odres novos com vinho novo, é necessário ter uma nova mentalidade, de jejuar, não para conseguir algo de Deus, pois já recebemos tudo pela fé em Jesus (Efésios 1.3; 2Pedro 1.3; Romanos 8.32), mas de querer mais de Deus em nossas vidas.

 

Oração: SENHOR, que eu possa jejuar e orar não para conseguir algo de Ti, mas para que eu mesmo possa me abrir mais para Sua vontade e mais da Sua presença em minha vida. Em nome de Jesus. Amém!

 

Texto e vídeo: Thiago Vicente*

 

*Thiago Vicente (Instagram: @thigvi) é o idealizador e fundador do MENSAGEM DIÁRIA, Pastor, Reverendo, Teólogo, Professor de Educação Física, Personal Trainer, Especialista em Fisiologia do Exercício, Mestre com “aprovação com louvor” na área de Bíblia, plantador de igrejas, casado há 12 anos e tem duas filhas.