DIA 51 – Tempestades da vida

Mateus 8.26b (NVI):”26 Ele perguntou: “Por que vocês estão com tanto medo, homens de pequena fé?”[1]

 

Seguimos para o episódio da tempestade.

 

Os discípulos com Jesus entram no barco para atravessar o mar da Galileia, que na verdade é um grande lago (que chega a 21 km de comprimento e área de 166 km2) , também conhecido de lago de Genesaré. Isso para chegar na região de Decápolis na região dos gadarenos ou gesarenos (Mateus 8.28).

 

Entrando no barco, Jesus foi dormir, e enquanto dormia se abateu uma grande tempestade no barco. Tempestades de vento são comuns no mar da Galileia, pro causa do choque do ar quente com frio. Por causa, que ao norte temos picos muitos altos de neve com ar frio, e pelo lago estar posicionado cerca de 213 metros abaixo do nível do mar e ser um lugar quente com clima semitropical.

 

Certo é que tempestades repentinas eram comuns no mar da Galileia, assim como são em nossas vidas. E a tempestade era tão forte que inundou o barco, e que os discípulos estavam com medo de morrer.

 

Então, só depois de os discípulos acordarem Jesus com medo, é que Jesus desperta, dizendo para os discípulos que estavam com muito medo, no grego o adjetivo usado pode ser traduzido como “covarde” também. Para completar a frase dizendo que eles eram homens de pequena fé.

 

Fé é confiar, e duvidar, não crer é principalmente causado pelo medo. Medo e fé são opostos, ou temos um, ou o outro. Podemos até andar com Jesus, ser seus discípulos mais achegados, e ainda sermos pessoas com pequena fé, e que acovardam na hora “h”, que precisa por a fé em ação.

 

Oração: Pai tem misericórdia de nós, queremos nós livrar de todo medo, em meio as tempestades da vida, para que possamos confiar em Ti, e colocar a fé em ação, transformando crer que descansa em Ti. Em nome de Jesus. Amém

 

Texto e vídeo: Thiago Vicente*

 

*Thiago Vicente (Instagram: @thigvi) é o idealizador e fundador do MENSAGEM DIÁRIA, Pastor, Reverendo, Teólogo, Professor de Educação Física, Personal Trainer, Especialista em Fisiologia do Exercício, Mestre com “aprovação com louvor” na área de Bíblia, plantador de igrejas, casado há 12 anos e tem duas filhas.

 

[1] Nova Versão Internacional. (2001). (Mt 8.26). São Paulo: Sociedade Bíblica Internacional.