Túnel Do Tempo – Como É O Nosso Relacionamento Com Deus?

“Quando Daniel soube que o decreto tinha sido publicado, foi para casa, para o seu quarto, no andar de cima, onde as janelas davam para Jerusalém. Três vezes por dia ele se ajoelhava e orava, agradecendo ao seu Deus, como costumava fazer”. (Daniel 6.10, NVI)

Na passagem acima vemos a respeito do relacionamento diário de Daniel com Deus, que independente das circunstâncias todos os dias tinha seu tempo com Deus. E mesmo quando o Rei decretou que ninguém poderia fazer petição a nenhum Deus, ele foi ao seu quarto se colocou de joelhos e orou.

Daniel tinha um compromisso diário com Deus, tinha em seu coração o desejo de orar e não deixava o seu compromisso com o Senhor em segundo plano.

Não é porque o dia foi corrido, ou por que houve mais problemas do que o normal, que devemos colocar as circunstâncias na frente de Deus. E também não devemos nos colocar diante de Deus para reclamar ou por religiosidade, mas em agradecimento e em sinceridade de coração buscando conforto Nele. E não enchendo os ouvidos de Deus sem deixar que Ele nos responda como vemos no vídeo acima.

E nós, de que forma temos colocado Deus como prioridade em nossas vidas? Temos ido a Ele com hora marcada? Rapidamente? Ou apenas pra pedir e pedir incessantemente? Ou temos ido a Ele em agradecimento, em verdade e sinceridade de coração e tendo um relacionamento verdadeiro com o Pai.

Reflita agora, você tem colocado Deus como prioridade em sua vida? Tem ido a Ele com hora marcada ou apenas rapidamente? Só para pedir e pedir incessantemente? Ou você tem ido a Ele em agradecimento com sinceridade de coração, e assim desfrutando de um relacionamento verdadeiro com Deus?

Pratique: 

Separe um tempo com Deus, para ler a Sua palavra (Bíblia), como por exemplo, o livro de Daniel e veja o relacionamento que Daniel tinha com Deus.

Texto: Maxwell Heber.

*NVI – Nova Versão Internacional.