5. Providência na independência:

A. Providência e Autogoverno:

A PROVIDÊNCIA É AÇÃO DIRETA DE DEUS NA HISTÓRIA, PARA FAZER O TEMPO CONVERGIR SEGUNDO O SEU PROPÓSITO6 , DESTA FORMA, O MOVIMENTO DE INDEPENDÊNCIA ORGANIZADO POR JOSÉ BONIFÁCIO E APOIADO POR D. PEDRO I, FOI ATO DA VONTADE DE DEUS, QUE PERMITIU, O POVO DESTE TERRITÓRIO, PODER DECIDIR O FUTURO DESTA NAÇÃO, RETOMANDO O AUTOGOVERNO DA CRIAÇÃO ( GN. 1.28). ASSIM, NOSSA LIBERDADE, PODE EXPRESSAR O REINO DE DEUS, COMO REINO DOS NOSSOS DESEJOS E VONTADES (DT 28).

B. Providência e Cultura de Governo:

A CULTURA DE GOVERNO NO BRASIL FOI DISTINTA DA SOCIEDADE PURITANA DO MAYFLOWER COMPACT QUE ESTAVA FUNDAMENTADA NA LEI DE DEUS, NO RESPEITO MUTUO AO PRÓXIMO, PARA ESTABELECER LEIS JUSTAS E IGUALITÁRIAS QUE CRIAM O PRIMEIRO ESTADO DEMOCRÁTICO MODERNO. A CULTURA POLÍTICA BRASILEIRA, HERDA A MENTALIDADE DO “HOMEM CORDIAL” 7 , QUE REMETE A AVENTURA EM BUSCA DE RIQUEZA, OU SEJA, NÃO NA CONSTRUÇÃO DE UMA SOCIEDADE JUSTA, E SIM EM MEIOS PARA GARANTIR O PURGATÓRIO DE SUA POBREZA8 , ENVOLVIDOS DE TODO TIPO DE RECURSOS E POSSIBILIDADES QUAL FAÇAM EMERGIR PARA O TOPO DO SALVAÇÃO HUMANA, A RIQUEZA, A MESMA QUE CRISTO DENOMINOU DE LOUCURA, AFIRMANDO: “LOUCO” (LC 12.20-21) PORTANTO, CABE A CADA UM DE NÓS, MUDARMOS ESTA REALIDADE, PRIMEIRO MUDANDO NOSSA NOÇÃO DE CIDADANIA, QUE NÃO É REFÉM DO ESTADO PARA MUDAR A REALIDADE9 , E SEGUNDO COM NOSSO VOTO CONSCIENTE PARA MODIFICARMOS OS FUNDAMENTOS DESTE PAÍS.

Texto: Lucas Guimarães Vicente.

ORAÇÃO: "Senhor dê-nos sabedoria para compreendermos a tua palavra para assim abençoar a nossa nação e lutarmos para que nossas autoridades sejam dignos e piedosos, oramos em Nome de Jesus".

6 Noah Webster, Dicionário, 1828.

7 Conceito de Homem Cordial, Sérgio Buarque de Holanda. Raízes do Brasil, p.12.

8 DE MELLO, Laura Souza. O Diabo e a Terra de Santa Cruz: Feitiçaria e religiosidade Popular no Brasil. p.23.

9 José Murílio de Carvalho denomina de Estadania, pois o individuo acaba esperando no Estado todas as soluções para sua realidade local, ao invés de usar se autogoverno para dar o início desta mudança, como por exemplo formação de associações e ONG´s, exemplo PROEC, como a criação de leis de caráter popular, exemplo “Ficha Limpa”.