"Como é bom e agradável quando os irmãos convivem em união!" (Salmos 133.1 - NVI*)

A comunhão esta é uma grande dificuldade que todos ou a grande maioria enfrenta, não apenas dentro de uma igreja como uma comunidade, mas em família, no trabalho, entre amigos, em todos os relacionamentos enfrentamos a difícil tarefa da boa convivência.

E não só ter uma boa convivência, mas quando queremos revelar o amor de Cristo, devemos fazer com que essa união seja verdadeira e não finjida.

Algumas qualidades são importantes para que possamos viver em comunhão:

A Honestidade, A Firmeza e a Compaixão. É preciso ser honesto, falar a verdade, mas sempre com muito cuidado e amor. Ser firme no sentido de não pactuar com algo que você sabe que é errado, devemos ter convicção da posição que estamos e a compaixão que é "sentir na pele" o que o outro está passando e compreender suas falhas e dificuladades.

É um desafio diário, mas precisamos nos esforçar e pedir ajuda ao Senhor.

OREMOS: "Pai que nos ajude a ser completamente humildes e dóceis, pacientes, suportando uns aos outros com amor, nos esforçando para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz. Te pedimos em Nome de Jesus, Amém"

Texto: Vivian Cristina Thomazinho Vicente.

*Tradução: Nova Versão Internacional.